O melhor de Nagasaki para famílias

Nagasaki (Japão) foi, como Hiroshima, uma cidade destruída pela bomba atômica na Segunda Guerra Mundial. Apesar da sua história trágica, Nagasaki é um destino de férias familiares imperdíveis! Compartilho abaixo o melhor de Nagasaki para famílias – um guia para quem viaja com os filhos! 

Use essa imagem para salvar o artigo no Pinterest - assim, fica mais fácil de encontrar para ler depois!
Descubra o melhor de Nagasaki para famílias! Clique no botão vermelho no topo da imagem para salvá-la no Pinterest – e deixe para ler mais tarde!

* esse post contém links afiliados – eles não custam nada para você e nos dão uma pequena comissão

Aonde fica Nagasaki, Japão?

O Estado de Nagasaki fica na costa noroeste de Kyushu (no sul do Japão). A cidade de Nagasaki, na costa Oeste do Estado, foi a cidade que recebeu o impacto da bomba. 

Apesar de ter sido praticamente destruída então, hoje, a cidade de Nagasaki é linda e cheia de vida. 

Também tem um título de uma das melhores vistas noturnas do mundo, de acordo com o Night View Summit de 2012. Continue abaixo pra saber de tudo! 

Aonde se hospedar em Nagasaki

Ficamos nesse apartamento lindinho, chamado Ambiera Doza. Veja os preços deles aqui! É pequeno, mas com 2 quartos, uma sala, uma cozinha, banheiro (banho e vaso em quartinhos separados) e uma lavanderia. 

Tudo estava novinho e funcionando super bem. A área de banho virava uma secadora gigante para as roupas, esquentando e fazendo vento, que foi uma novidade. Adoramos! 

Fica super bem localizado, pertíssimo do Peace Park (Parque da Paz), de muitos restaurantes, de China Town, e das ruas comerciais. A internet funcionava super bem, o que é ótimo. 

MAS, claro, tudo tem um problema. O bar ao lado tinha karaokê e eles cantavam (sério) até às 4 da manhã quando resolviam. 

A escultura principal do Parque da Paz de Nagasaki. É bem impressionante, mas nem de longe é uma das nossas atrações favoritas na cidade.

O que fazer em Nagasaki com as crianças

Nagasaki é uma cidade charmosa, e a gente adorou! É toda verde e cheia de atrações para todos, mas ainda mantendo um jeito super japonês e autêntico, que a gente ama. 

É cheia de coisas pra se ver e fazer, e dá pra ocupar qualquer família por um bom tempo. Veja abaixo o que fazer em Nagasaki, Japão. 

Parque da Paz (Peace Park ou Jeiwa Kôen)

Claro que não daria para começar em outro lugar, né?

O Parque da Paz de Nagasaki é tão lindo quanto o de Hiroshima. Enorme e tão cheio de coisas para se ver e fazer que vou dividir em tópicos abaixo. 

Essa fonte de água foi feita para lembrar asas – as asas das vítimas. Não é lá muito japonês, isso, mas é bem Nagasaki, aonde a influência européia é gigante.

São 2 parques, o Parque Memorial (Memorial Park) e o Parque do Epicentro (Hypocenter Park). Eles ficam um do lado do outro, a uma distância de 2~3 minutos a pé. 

Aviso: por todos os parques, existem muitos monumentos com água – é porque muitas pessoas morreram de sede após a bomba. A água estava contaminada e bebê-la significava morte certa. Hoje, eles têm esses monumentos com água como oferenda aos mortos. Seja respeitoso e não encoste na água, por mais refrescante e convidativa que ela esteja. 

Para chegar lá, desça do bonde no ponto Heiwa Kôen.

Parque Memorial (Memorial Park)

Esse é o parque com a famosa estátua e os tsurus de origami. É um parque pequeno, mas lindo. Veja abaixo o que tem no Nagasaki Memorial Park. 

Para chegar lá, desça do bonde no ponto Heiwa Kôen.

O parque é todo lindo, verde, cheio de flores coloridas, insetos lindos, e não é, nem de longe, aquela coisa sombria e triste.
As esculturas

São muitas esculturas pelo parque, algumas são de cortar o coração e outras enchem o coração de amor. 

A escultura mais famosa é a maior, mesmo. Feita pelo Seibo Kitamura, o homem tem uma mão apontando para o perigo das armas nucleares e a outra aberta, em oferenda de paz. 

Mas em qualquer lugar dos dois parques, tem estátuas para se ver. 

A última dessa estátua- haha, não resisto a esse reflexo perfeito. Tirada com a GoPro.
As ruínas da prisão

Tinha uma cadeia lá no parque e todo mundo, presos e funcionários, morreu com a bomba. Ainda dá para se ver um pedacinho das paredes. 

Outros monumentos

Têm os monumentos para os chineses e coreanos que foram vítimas da bomba. 

Parque do Epicentro (Hypocenter Park)

Esse parque é lindo, tem até um riacho e muitas coisas para se ver. Vale a visita. 

Esse é o cenotáfio marcando o ponto zero aonde a bomba caiu em Nagasaki. Bem difícil de imaginar como ficou tudo destruído quando se vê a cidade hoje em dia. O parque, em toda a sua simplicidade, é lindo.

O Cenotáfio do Epicentro (The Hypocenter Cenotaph)

Esse é o lugar que marca o epicentro da bomba de Nagasaki. Apesar de ter explodido há 500 m de altura, esse foi o centro da explosão. 

Hoje tem o cenotáfio lá, e lembre-se de não ser desrespeitoso enquanto estiver lá. 

Relíquias da antiga Catedral Urakami 

A Catedral foi destruída com a explosão, mas algumas partes continuam lá. 

O chão em níveis diferentes

O parque todo, na verdade, ficou mais alto do que era antes da bomba. Dá para ver lá, porque tem uma área mantida na altura antiga. Desce-se uma escada e, por uma janela, dá pra ver os destroços e coisas que foram encontradas após a bomba. 

Nós, com as nossas 12 câmeras (não são tantas, mas quase), não tiramos uma foto da escadaria e da diferença de nível. O motivo: tinha tanta gente, mas tanta gente que só dava para ver cabeças.
O riacho

Esse riacho é uma coisa incrível. Dá pra andar por lá (cuidado com o chão desforme), e quase nenhum dos turistas passa por lá, então é bem calmo e silencioso. E bem mais fresco, por causa da água. 

O Museu da Bomba Atômica de Nagasaki (Nagasaki Atomic Bomb Museum)

A gente decidiu não entrar porque nos falaram que era meio gráfico para os pequenos, mas passeamos pela área gratuíta – a área ‘segura’. Tem ar condicionado e áreas de descanso, incluindo um restaurantezinho. Dava para ver lá o número de tsurus de origami que as pessoas fazem – incrível e lindo. 

A entrada custa ¥200 para adultos (18 anos ou mais) e ¥100 por criança (6~18 anos). Crianças com menos de 6 anos entram gratuitamente. 

Para chegar lá, desça do bonde ou ônibus na parada Hamaguchi-Machi.

Tinha essa salinha com uma experiência de realidade virtual para ver como ficou a cidade com a bomba. Não era muito realista nem cheio de sangue e corpos, então não assustou as crianças. E à frente, uma parte dos tsurus de origami que as pessoas fazem e entregam lá.

Salão do Memorial da Paz Nacional de Nagasaki para as vítimas da bomba atômica

Esse salão incrivelmente lindo é triste, de fazer chorar, mas lindo, lindo lindo lindo. Tem um pouco das histórias contadas pelas vítimas, dá pra ver os efeitos da radiação da bomba e VER o número de mortes que aquela bomba causou. 

Lembre de manter-se o mais quieto possível e ser sempre respeitoso às vítimas. Não encoste na água ou tire fotos felizes e em poses impróprias. 

A entrada é gratuita e fica conectado ao Museu da Bomba Atômica. 

É aqui que se mantém os livros com os nomes de todas as vítimas da bomba atômica: desde as que faleceram imediatamente até às recentes, que sofreram a vida inteira as consequências da radiação.

Meganebashi (A ponte dos óculos)

Tem uma área ao redor do rio Nagashima aonde as pontes são feitas de pedra e fofíssimas. O rio é cheio de peixes e, segundo conversas aleatórias que eu ouvi por ali, de vez em quando aparecem até lulas. É lindo. 

A ponte mais famosa é a ponte dos óculos, ou Meganebashi. Com o reflexo da ponte na água, fica mesmo parecendo óculos. Daí o nome. 

Mas toda a área é linda e dá pra passear bem! 

Desça do bonde na parada Kokaido-Mae e ande 5 minutos seguindo o rio. 

Estava ventando bastante, então o reflexo ficou bem estranho, mas dá pra entender né? As crianças se divertiram no rio, aonde é mais fresquinho por causa da água, pulando pedras, encontrando peixes e tal.

Teramachi Dori (Rua Teramachi)

Tem essa ruazinha estreita em Nagasaki chamada Teramachi Dori (também conhecida como Temple Street, ou rua dos Templos). Tem esse nome porque é uma rua cheia de… templos. São muitos templos. Tantos, que perdemos as contas. 

A maioria dos templos cobra uma taxa de entrada, então escolha quais você quer conhecer antes da sua visita. Os mais famosos são Kofukuji e Sofukuji. 

Para visitá-la, desça do bonde na parada Shokakuji Shita. 

Um dos templos da rua dos Templos, que eu não lembro o nome. Mas também, com tanto templo um do lado do outro, fica fácil misturar tudo.

As ladeiras de Nagasaki

Nagasaki é uma cidade em forma de tigela, muito como La Paz (Bolívia). É rodeada por montanhas e completamente habitada. As ladeiras são muitas e algumas são super famosas de tanto charme. Você vai encontrar muitas na sua passagem por lá, mas a mais visitada é a Ladeira Holandeza (Dutch Slope). Fofíssima. 

Mirai Nagasaki Cocowalk

Esse shopping é engraçado, mas tem uma roda gigante. Deve ser linda quando se está no pôr do sol, sabe. Eu não gosto de ficar enjaulada há vários metros de altura, então nem cheguei perto, mas você poderia ver como é. 

Fica a um minuto a pé das paradas Zenzamachi ou Morimachi do bonde. 

Essa foto é da minha atração favorita de Nagasaki, que vem logo abaixo. As crianças precisaram reclamar e pedir por favor pra ir embora, senão eu ficava lá pra sempre.

Parque e Observatório Inasayama

Uma parada obrigatória! Eleita uma das 3 vistas noturnas mais bonitas do mundo, é de tirar o fôlego, mesmo. O Observatório é o lugar com a melhor vista, no topo do monte Inasa. 

Se você chegar um pouco antes do pôr do sol, vai poder aproveitar o parque (a caçula amou o parquinho!), ver os animais (em cativeiro, coitados, não recomendo), e depois ir até o Observatório para ver o pôr do sol e a cidade se iluminando enquanto o céu escurece. 

A gente foi uma vez de dia, e decidiu ir de noite pra ver qual era o bafafá. E, gente, parecia uma caixa de jóias, linda demais! Só leve alguma coisa pra se proteger do vento frio mesmo no verão. 

A gente subiu a pé da primeira vez. Uma caminhada tranquila, bem gostosinha e fresquinha por conta das sombras das árvores. Quase não passava nenhum carro nem ninguém. Fica completamente diferente de noite.

A entrada é gratuita. 

Existem 4 jeitos de se chegar ao observatório: 

  • de carro (o mais fácil, mas talvez não o melhor, já que fica uma fila bem grande de carros tentando subir). O estacionamento custa ¥100. 
  • de teleférico (ele não estava funcionando quando a gente foi, mas disse que fica pronto de novo no final de 2019). 
  • de ônibus – GRATUITO – que sai do estacionamento do Parque Inasayama – mais ou menos no meio da subida da montanha
  • ou a pé – são uns 20 minutos não muito cansativos do estacionamento. 
Levem em consideração que eu não tenho tripé, estava ventando horrores e eu tremia de frio e por causa do vento. Mesmo assim, olha isso. Agora imagina 1000x melhor. Não tem foto que dê para comparar com a beleza vista a olho nu. Não cansa nunca – dá pra ficar com fome, mas não cansado.

Transporte em Nagasaki

Transporte em Nagasaki é fácil e eficiente. Bom, não tem muito como errar, sendo Japão, né?

Dá pra ir pra qualquer lugar. 

Além do clássico combo trem e ônibus, eles usam muitos bondes. A gente usou uma vez e o motorista estava de má vontade, cobrou mais do que a gente deveria pagar e mandou descer logo antes de eu perceber o erro. Fiquei meio traumatizada. Mas em geral, dizem, os condutores são legais. Tenha seu dinheiro contado certinho e tudo fica certo. O preço fica aparecendo em vários lugares dos bondes. 

Eles são uma opção boa porque não ficam presos no trânsito e ainda te dão uma boa visão da cidade. 

Nagasaki com as suas catedrais e a influência européia é a cidade que menos se parece com o Japão, ainda sendo bem japonesa. Não sei qual eu prefiro.

Se você não quer nenhuma dessas opções, use os taxis. 

Para quem vai alugar carro, estacionamentos são absurdamente caros lá, então precisa contar com isso na hora de decidir. Pagamos em média ¥1500 por dia nos dias em que encontramos os estacionamentos baratos, e ¥2300 quando só poderíamos parar nos caros. Alguns cobram um preço por entrada, outros cobram por hora ou período. Dê várias voltas antes de decidir aonde estacionar. Só não pode estacionar na rua. 

O que comer em Nagasaki

Nagasaki tem várias especialidades e a gente experimentou várias. Veja mais a seguir. 

Conheça o Chirin Chirin. É o sorvete descrito abaixo. Não era assim, uma delícia, mas é lindo e divertigo, e estava geladinho naquele dia de primavera absurdamente quente.

Chirin Chirin (sorvete)

Encontramos esse sorvete lindo em forma de flor perto do Meganebashi. Um único sabor (plain ou simples, o que quer que isso signifique). Tinha gosto de açúcar e leite, e é um doce tradicional de Nagasaki. O nome vem do barulho que a colher faz quando bate no balde de metal ao pegar o sorvete. 

Custou ¥300. 

Castella

Esse bolo simples é super comum pelo Japão todo, e chegou ao país por Nagasaki. Em qualquer lugar da cidade, você vai encontrar lojas especializadas nele. Experimente um ou vários, são todos deliciosos. 

Mas… minhas crianças preferiram os baratos dos supermercados. Vai entender. 

Não parece uma delícia? Mesmo eu não gostando de bolo, salivei nas vitrines, uma depois da outra, com seus bolos maravilhosos e simples.

Kakuni Manju

Esse foi uma surpresa, não sabíamos dele. Só vimos uma vez e decidimos experimentar. Compramos na loja em frente à entrada de Chinatown porque eles estavam dando pedacinhos para experimentar e… delícia! Imagine a carne de porco cozida lentamente, até ficar bem molinha e com um molho maravilhoso. Isso em um pão de farinha de arroz delicioso. De chorar. Não é pra vegetarianos, mas é uma delícia. 

É assim, o Kakuni Manju. Eu poderia ter tirado uma foto melhor se não estivesse correndo pra comer logo e acabar com a tortura. Que coisa deliciosa.

Para concluir: o melhor de Nagasaki para famílias

Nagasaki é uma cidade linda, e apesar de não ter todo o caráter de Hiroshima, é tão amável quanto! 

Tem tanto pra se ver e fazer, que a gente precisa voltar! 

  • Cidade / País
  • Estadia Mínima
  • $ ~ $$$
  • Para crianças…
  • Melhor transporte local
  • Segurança
  • Recomendamos?
  • Nagasaki / Japão
  • 3 dias
  • $$
  • perfeita!
  • RESPOSTA
  • RESPOSTA
  • MUITO!
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.