Ilha Sul da NZ: Southland com os filhos

Invercargill fica no sul da Ilha Sul da Nova Zelândia. Estivemos lá com as crianças. Clique para ler mais!
Um Pin pronto para facilitar a vida corrida!

* Esse post foi atualizado em 2019 com a nossa muitas novidades sobre Invercargill e todo o resto de Southland que a gente conheceu, Nova Zelândia.
* Ele também pode conter links afiliados, que não custam nada para você, mas nos dão uma pequena comissão por venda.

A gente não sabia muito sobre Southland, a não ser que era a partezinha mais sul da Ilha Sul. Foi uma surpresa! A gente esperava fazendas e mais fazendas, mas o que a gente encontrou foi demais! Aqui está o nosso guia da Ilha Sul da NZ: Southland com os filhos!

A gente estava super alegre porque a gente ia ver o lugar mais ao sul da Nova Zelândia – tirando as ilhazinhas, né. A gente tinha ido pra Cape Reinga, o lugar mais ao norte da NZ, em 2013, então ia ser bem divertido ter os 2 extremos cobertos.

city walk, invercargill
Se você escolher ficar em algum lugar no centro, não precisa nem de carro: tudo é acessível a pé!

Aonde ficar com a família em Invercargill

Definitivamente, encontrar um lugar barato em Southland não é fácil. MAS o nível das casas de lá é bem melhor do que o do resto do país. Alugamos 2 casas por lá, e as duas estavam perfeitas! Foi, definitivamente, um dos melhores lugares em termos de casas que já pegamos até hoje!

Se você é novo no Airbnb, clique aqui para receber um desconto! (link afiliado)

Passamos nossa semana uma casa perfeita em Omaui, que fica ao sul de Invercargill. Uma pena que a casa já não esteja mais disponível para locação.

Depois, na nossa última passada, também ficamos um tempo nessa casa. Ela é enorme, uma casa maravilhosa, mesmo. Super bem equipada e bem mantida. Tinha até livros de colorir para crianças com canetinhas, e livros! Até deixaram a gente levar alguns livros com a gente até as crianças terminarem de ler!

Stirling Point, Bluff
As setas de Stirling Point. O engraçado é que eles descobriram, depois de anos e anos, que as placas apontam para lugares errados. Hahaha

O que fazer em Invercargill com crianças

É verdade que não tem muuuuita coisa pra se fazer por lá, mas o que tem dá pra encher alguns dias bem divertidos. Continue pra saber tudo o de melhor que se tem pra fazer em Invercargill, NZ.

  • o centro da cidade, claro. É um centro pequeno, dá pra fazer tudo a pé. É charmosa, com prédios de diferentes épocas, o que é interessante.
  • Queen’s Park. Foi meu lugar favorito da cidade! Lindo parque, com jardins diferentes, bastante espaço pra correr, andar, pedalar, andar de skate e tudo o mais, além de um parquinho incrível. Tinha até um mini zoológico com animais de fazenda e um museu. O museu está fechado indefinidamente, mas o Henry, a tuatara, está lá. Fica na parte de trás do museu e dá pra ver de fora.
  • Apesar do museu estar fechado, tem muitas outras opções, como a Galeria de Artes, o Fire Museum (Museu do Fogo), o Bill Richardson Transport Museum (Museu do Transporte Bill Richardson), o Classic Motorcycle Mecca, etc. São todos mais caros pra se visitar do que museus normais. O restaurante do Bill Richardson é delicioso e dá pra comer lá sem entrar no museu em si. Vá antes das 3 da tarde, senão a cozinha fecha.
Foveaux Memorial, Bluff
Olha a gente no Faveaux Memorial! É uma caminhada longuinha, mas super tranquilas até para crianças pequenas!
  • O Demolition World é outro lugar diferente. É uma vila ‘Vitoriana’ com vários manequins posando de gente, o que assusta um pouco. Além disso, tem vários pássaros diferentes, alpacas (ou lhamas, nunca sei), burrinhose outros animais de fazenda. A entrada é por doação (em geral, NZ$ 2 por pessoa). O parquinho é bem legal. Uma visita dura mais ou menos uma hora.
  • Thomsons Bush é uma reserva lin-da em um pântano. Tem uma trilhazinha curta e super gostosa, boa para todas as idades (sem carrinho!).
  • Reading Cinema, porque a gente tinha que assistir Procurando Dory. Amamos tudo: o cinema é confortável, a imagem e o som são bons e o filme é lindíssimo! DAí, na seguinda vez que fomos, assistimos Liga da Justiça! Continuou excelente!
  • passamos pelo War Memorial, que é um obelisco em homenagem aos soldados que morreram longe de casa durante a guerra. Não tem nada além dele.
Queen's Park, Invercargill
Queen’s Park, um dos lugares mais bonitos de Invercargill! Leve um lanche e passe o dia por lá, vale a pena!

  • Otatara tem uma praia excelente para se ver a aurora, apesar de não ser muito boa pra nadar (GELADA!). Em volta da praia, tem muitas trilhas e caminhos para caminhadas por reservas bem legais. Às terças de noite, se o tempo está bom, tem treino de arco e flecha. Você pode experimentar também!
  • Domingos de manhã são dias de feira no Masonic Centre. Apesar da feira ser meio triste, tem muito artesanato e muita comida deliciosa!
  • O Civic Theatre tem uma arquitetura icônica e é aonde acontecem a maioria das peças de teatro da cidade. Visite, mesmo que seja só pela decoração. E, se der sorte, veja algum espetáculo!
  • A E-Hayes é uma loja que vende de tudo, mas tem um bônus. Vários carros, motos e ferramentas antigos decoram essa loja local. Vale dar uma passada e, se der na telha, compre sua lembrancinha por lá!
The wooden arches of a veranda, with plants dangling from them at Demolition World, NZ.
Isso é no Demolition World. Algumas partes eram tão lindas que me deixaram sem fôlego. Outras partes eram tão medonhas que eu esqueci de respirar. E em outras partes eu não conseguia parar de rir de tão absurdas.
  • Tem um Escape para famílias que curtem essas brincadeiras. A gente não testou.
  • Para quem quer brincar com maquinário pesado, tem o Dig This. Eles falam que são um parque de máquinas, aonde você pode, por um certo tempo, usar as máquinas (como tratores, guindastes, etc). É super, super caro.
  • Para os amantes de cerveja, tem a Invercargill Brewery. Tem tours pela fábrica, degustação de cerveja, etc. A gente não foi.
  • Se o tempo estiver bom, nade na Oreti Beach. A gente achou frio demais, mas os locais curtem. É um bom lugar pra se ver a aurora também.
  • Mas se o clima estiver fechado e você quiser nadar, vá ao Splash Palace. As piscinas tem águas morninhas. E é em local fechado.
A tuatara at Invercargill Queens Park. They have a tuatara research and breeding centre there, and so, many of those little lizards.
Conheça o Henry, a tuatara. Ou talvez esse não seja o Henry. Não sei, desculpe. Mas caso você não soubesse, tuataras são esses mini-dinossauros. Sério.
  • Se está chovendo e frio demais pra nadar (mesmo entre 4 paredes), tem outras opções, como boliche e kart. Crianças acima de 8 anos podem brincar de kart. Só marquem antes de ir, senão corre o risco de ter que esperar muito.
  • A biblioteca é ótima, cheia de livros, computadores, e jogos. Dá pra usar a internet também.
  • O Starbucks de Invercargill é a loja da Starbucks mais ao sul do planeta todo. Você vê milhares de pessoas tirando foto por lá toda vez que passa por perto.
  • O Zookeeper’s Café é um restaurante com uma decoração bem… diferente. A comida é super boa e é um ótimo lugar pra se comer com crianças.
  • No Blue River Sheep Café você come uma especialidade do sul da Nova Zelândia, os cheese rolls, mas com queijo de ovelha. Fica bem bom! (Cheese rolls são, basicamente, sanduíches de queijo quente enrolados)
  • E para uma refeição rápida, a gente adora as cafeterias como o The Batch e o The Auction House. Ah, e não perca o Seriously Good Chocolate Company. Eles têm workshops de chocolate e tour pela fábrica, mas não é para os pequenos.
A sunset at the beach. Oreti beach is the beach locals go to, and it's huge. We found it too cold, but pretty nonetheless.
Mesmo que você não vá nadar ou ver a aurora, dê um pulo em alguma praia. Na hora do pôr do sol. É assim, uma coisa de louco. Mesmo quando está chovendo.

O que fazer em Bluff com crianças

Bluff é a cidade logo ao sul de Invercargill. É uma cidadezinha minúscula, super charmosa e a gente ama! Também é aonde se pegam as ostras Bluff (ou Bluff Oysters). Está quase sempre ventando muito, então não importa se esteja 40 graus em Invercargill, leve uma blusa.

  • Stirling Point, que é o lugar onde fica essa famosa placa! Não é o ponto mais ao sul, mas é perto o suficiente. A gente andou até o memorial Foveaux, que é o extremo sul. Foi uma caminhada fácil e gostosa. Demoramos mais ou menos uma hora para ir e uma pra voltar. No caminho, vimos um lobo marinho e vários pássaros diferentes. Dizem ser um lugar excelente para se ver a aurora.
  • Tire uma foto no letreiro de Bluff porque é muito divertido. A gente parou lá em todas as vezes que passou pro Bluff.
  • Vá até o observatório de Bluff (Bluff Hill Lookout). Dá pra ir andando do letreiro ou subir tudo de carro. A gente nunca teve coragem de ir andando.
The Bluff sign in Bluff, Southland, NZ.
O letreiro. Parece pequeno, mas um adulto consegue se esconder atrás de cada letra. É divertido.
  • Passe no Lighthouse Art Gallery and Café para uma refeição boa, bonita e barata. É meio lento, o serviço, mas o ambiente é tão gostoso que vale a pena. Os cheese rolls e a sopa de tomate de lá são muito bons!
  • A praia de Omaui é linda em qualquer tempo. Meio fria, mas linda.

O Parque Nacional de Fiordland e Milford Sound

Na costa oeste de Southland, tem o Fiordland. Muitas trilhas, muitas cachoeiras e rios e paisagens estonteantes.

Veja aqui o que a gente viu e fez por lá. Recomendo que se fique pelo menos uma noite por lá, já que tem muito a se ver e fazer e as distâncias são longas.

Se você não encontrou um kea na sua visita, então precisa conhecer o parque. Tem muitos, muitos desses papagaios nativos da NZ.

A river at the Fiordland National Park, NZ. The river beds are lined with trees and the mountains at the background complete the picturesque scenery.
Os rios todos da NZ são maravilhosos, mas o azul dos rios do Parque Nacional de Fiordland são ainda mais lindos.

Outras atrações de Southland

Não visitamos muitos outros lugares porque ficamos sem tempo, mas veja abaixo algumas opções:

  • Henderson Bay, em Riverton, é muito lindo, assim como toda a reserva (Howells Point Recreational Reserve). A estrada Rocky (Rocky Highway) é linda, também.
  • Gore tem um rink de patinação no gelo e uma estátua de uma truta gigante (?).
  • O Parque Nacional de Caitlins é tido como um dos lugares mais lindos da NZ. Quem sabe a gente consiga conhecê-lo esse ano?

Eventos de Southland, NZ

Apesar de não ser um destino assim, super popular no país, alguns eventos levam vida às cidadezinhas de Southland. Abaixo, alguns deles. Mas visite quando puder e procure um Centro de Informação ao Turista para saber o que acontece durante a sua visita!

Bluff Oyster Festival (Festival das ostras de Bluff)

Acontece todo ano, entre maio e junho. A gente nunca foi, mas parece bem divertido mesmo para quem não gosta de… ostras.

A platter of Bluff oysters, a Southland delicacy.
Assim, você come o que quiser, né. Eu não consigo. Mas todo mundo que experimentou enquanto estava com a gente disse que elas são bem carnudas, ricas e saborosas, o que quer que isso signifique.

Burt Munro Challenge (Desafio Burt Munro)

É um rally de motos em homenagem ao Burt Munro. Ele foi um cara de Southland que quebrou vários recordes mundiais de motocicleta. Acontece em um final de semana, todos os anos.

Por toda a cidade de Invercargill, você vê réplicas da moto dele, ‘The Fastest Indian’

Tour de Southland

Uma corrida de bicicleta que passa por toda Southland por alguns dias seguidos.

Outros eventos

Acontece bastante coisa, então o melhor é dar uma olhadinha no site oficial para ver o que está rolando.

A aurora Australis

Diz a lenda que é fácil de ver a aurora de Southland. Especialmente durante o inverno. Uma pena que a gente não viu.

O que você precisa: um lugar sem luz artificial (uma praia, ou uma montanha), um céu limpo, e paciência. Ah, não vamos esquecer da persistência, porque você tem muito mais chances de não ver do que de ver.

A lua não pode estar forte. Portanto, lua cheia não é uma boa noite pra se ver a aurora. E uma atividade solar alta.

Lembre de levar um chazinho e alguma coisa pra comer, porque ficar esperando sem fazer nada com crianças reclamando que está escuro, apertado, o irmão respirou, o outro irmão chutou o banco, etc, não é legal.

Use o compasso do celular para ver aonde é o sul: é pra lá que a aurora vai aparecer.

Para terminar…

A gente não passeou muito por lá, mas o que a gente fez, a gente gostou muito. Durante a semana que passamos lá, o céu ficou com uma cor alaranjada de pôr do sol o dia inteiro. Era incrível.

Foveaux Memorial, Bluff
Os pés da Coral, cansados e orgulhosos de terem caminhado tanto!

Tudo fica longe e gasta-se um bom tempo dirigindo, mas vale a pena!

  • Cidade / País
  • Estadia Mínima
  • $ ~ $$$
  • Para crianças…
  • Melhor transporte local
  • Segurança
  • Recomendamos?
  • Invercargill / Nova Zelândia
  • 2 dias
  • $$$
  • Tranquilo!
  • Carro, infelizmente
  • Super tranquilo, até demais!
  • Sim!

E abaixo, o nosso vídeo!


SaveSave

SaveSave

3 respostas

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] gente estava indo de Invercargill para Kingston quando viu a placa dizendo ‘Milford Sound’. Era antes do meio dia e a gente […]

  2. […] caminho para Omaui, paramos em Moeraki Boulders. São umas pedras gigantes e redondinhas em uma praia na NZ, que foram […]

  3. […] da linda cidade de Invercargill, fomos para Kingston. Kingston é uma cidadezinha na região dos lagos, na parte sul da Ilha Sul, […]

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.