Cataratas do Niágara, Canadá, com crianças

Visitamos as Cataratas do Niágara com as 4 crianças em 2017. Clique para ler como foi!

Um pin pronto pra facilitar a vida de quem quer ler depois…

A gente estava em Toronto e decidiu ir conhecer as Cataratas de Niágara. Fomos na nossa última sexta-feira porque descobrimos um desconto legal na locadora de carros para quem aluga pelo final de semana, e a gente demorou pra decidir se ia ou não, como e quando a gente ia.
Decidimos pelo carro porque saía muito mais barato do que qualquer outro meio de transporte que a gente viu.
De qualquer jeito, fomos! Foi junho de 2017 e foi demais!

Niagara Falls é o nome da vila que fica em volta das cataratas. Pelo menos do lado canadense. Não fomos para o lado estadosunidenses porque estávamos sem passaportes.

Dirigir de Toronto até as cataratas é tranquilo, demorou pouco mais de uma hora. Foi uma linha reta, com pouco trânsito.
Saímos de casa às 8:30 da manhã com blusas, lanche, água, câmeras, e tudo o mais que se leva em uma viagem de carro. Nossa brincadeira dessa vez foi encontrar todas as lojas que a gente já tinha visto em algum lugar do mundo, como Mc Donald’s, Wendy’s, Ikea, etc. Imaginem a alegria das crianças quando viram uma loja da Toys R Us, a loja favorita deles quando eram pequenos no Japão. E agora imaginem a cara de decepção quando perceberam que a gente não ia parar E que a gente não poderia comprar nada mesmo.

Quando o GPS anunciou que a gente tinha chegado, já conseguimos ver as cataratas. É impressionante e a Coral (5) nos pediu pra parar o carro pra ela tirar uma foto – o que não foi possível, já que não tinha nenhum lugar para encostar o carro. Combinamos de chegar bem perto da cachoeira para ela tirar uma foto melhor, o que ela entendeu, mas não gostou.
Decidimos rodar um pouco para encontrar um lugar para estacionar o carro quando vimos a placa que dizia ‘Parking’ (estacionamento). Bom, a gente queria muito ir logo ver a cachoeira, então paramos lá mesmo.

A moça na entrada nos deu boas vindas, o guia, um livro de propagandas, o recibo de pagamento e nos avisou que os fogos de artifício começariam às 9 da noite. Também disse que o estacionamento fechava à meia noite. A gente pensou que ia ser difícil ficar até a hora dos fogos, imagina até a meia noite! Agradecemos e fomos encontrar uma vaga. Estava meio cheio, então acabamos parando em um lugar meio distante de tudo. Ficava a uns 10 minutos das cachoeiras, o que não foi problema na ida, mas na volta…

O dia estava super quente, então a Melissa e o Angelo resolveram deixar as blusas no carro. Aliás, não façam isso. O resto de nós foi esperto e levou as blusas, mas ninguém lembrou da água. Pois é, não se esqueçam da água.

E fomos. Andamos por uns 10 minutos até chegar na calçada beirando a água. Tão lindo! As águas azul-esverdeadas, transparentes. O dia estava lindo, nenhuma nuvem no céu. A quantidade de turistas era inigualável. Acho que foi mais ou menos como na Disney World.
Ficamos andando por lá até vermos uma fumaça de água no ar, bem alta, e entendemos que ali ficava a cachoeira. Fomos para lá o mais rápido que pudemos. Que momento incrível! A gente estava nas legendárias Cataratas de Niágara!

Vou pular aqui para o final do dia. A gente chegou no carro alguns minutos depois da meia noite, suados, correndo, morrendo de medo de ter o carro trancado – o estacionamento fechava à meia noite. Às 11:48, a gente estava correndo das cataratas para o carro. Não parecia tão longe na ida, mas pareceu que nunca ia chegar naquele momento. O Angelo até quis ir sozinho correndo, mas decidimos ficar juntos. A gente chegou em tempo, cansados, mas tão cansados, que as crianças dormiram em menos de 5 minutos. Tivemos que acordá-los para usar o banheiro no post de gasolina, já que tudo perto do estacionamento estava fechado naquela hora.
Cansados, mas satisfeitos. Foi um dia muito legal!

The Horseshoe Niagara Falls, one impressive sight

Me fala se não é impressionate, isso? Fico maravilhada ainda.

Agora vamos às coisas que todo mundo quer saber.

Atividades para se curtir em família em Niagara Falls

A gente não ia fazer muito lá, só curtir a vista, mas no final, acabamos comprando o Adventure Pass Classic porque a gente decidiu que queria fazer o Journey Behind the Falls (Viagem por trás das cataratas) e o passeio de barco Hornblower. O passe clássico do Adventure Pass dá entrada à 4 atrações e acabava dando pouquíssima coisa mais cara do que a entrada das duas atrações. A gente tinha umas 12 horas até os fogos de artifício, seria bom encher o dia.
Compramos o passe no Welcome Center.

Nosso passe incluía o Journey Behind the Falls, o Niagara’s Fury, o White Water Walk, e o barco Hornblower, além de 2 dias de ônibus WEGO.

Algumas das atrações eram com hora marcada, então se for comprar o passe, deixe tempo suficiente entre uma atividade e outra para dar tempo de ir sem precisar correr como a gente.

Uma dica aqui: não jogue a capa de chuva fora. Guarde e use em todas as atrações durante o dia. Elas são descartáveis, mas duram o dia todo. Melhor reutilizar do que fazer tanto lixo. 

Journey Behind the Falls (Viagem por trás das Cataratas)

Essa foi a primeira que a gente foi e foi meio triste. A gente estava esperando andar por detrás da cachoeira mesmo, mas foi um passeio pelos túneis que ficam abaixo da cachoeira, com algumas saídas pequenas por trás das cachoeiras. Foi mais ou menos como ver uma chuva forte da porta de casa. E tinha muita gente gritando, cantando, assobiando, e sendo barulhenta dentro dos túneis. O barulho ecoava, aumentava, foi horrível e eu fiquei com dor de cabeça.
Teve a parte legal, que foi o deck que saía pertinho das cachoeiras, que foi lindo e molhado. Delícia!
No final das contas, até achei que valeu a pena a dor de cabeça e o enjôo dos túneis.

Eles distribuem capas de chuva na fila para você não precisar se molhar.

The tunnel from Journey Behind the Falls, Niagara Falls, Canada. Read how it was with kids!

É isso. Journey Behind the Falls. Vê se não  pra ficar decepcionado.

Another view from Journey Behind the Falls. This one was really wet and pleasant! Click to read more!

OK, agora o último ponto de vista. Esse foi molhado e demais! Para se ter uma ideia do tamanho, procure os patos!

Niagara’s Fury (Fúria de Niágara)

A Mel e eu ficamos de fora dessa porque a gente saiu do Journey Behind the Falls passando mal. Sentamos no banco em frente à uma loja de lembrancinhas e ficamos sentados descansando. O Angelo levou as 3 crianças menores. É um filme 4D que conta a história das cataratas. Ele falou que foi bem legal, mas a Coral (5) ficou meio amedrontada em algumas partes. Ela falou que não gostou de nada. Os meninos gostaram.
Molha um pouco, então eles dão outra capa de chuva.

White Water Walk (Caminhada pela Água Branca?)

É uma caminhada por uma passarela de madeira beirando o rio. Eles falam que é um passeio de 20 minutos ida e volta, mas a gente demorou bem menos. Acho que demoramos os 20 minutos, mas a gente parou muitas vezes.
Têm várias plataformas de observação mais próximas, então dá pra passar um tempinho lá, só ouvindo o barulho da água, absorvendo a beleza do local. A gente procurou um pouco, mas não viu nenhum peixe.
A última plataforma é a mais bonita, mas também a mais traiçoeira. Uma das ondas veio alta e molhou o Angelo e eu bem molhado. Justo aqui, a gente não tinha a capa de chuva. Haha.

Nossa entrada estava marcada para as 3 da tarde, que era uma hora e meia depois da hora do Niagara’s Fury (também com hora marcada). A gente almoçou antes de vir nessa e teve que correr e pegar o ônibus WEGO. Mesmo assim, chegamos atrasados. Não reclamaram, mas chegamos meia hora atrasados. Essa atração é a mais distante, então deixe 1 hora entre essa e qualquer outra coisa se não for comer ou parar, mas se pretende fazer tudo com calma, deixe 2 horas no mínimo. O ônibus WEGO que vai para esse lugar para mais cedo, então talvez seja melhor começar aqui se for querer voltar de ônibus. Se quiser passear pela cidade e andar, também é bom ir mais cedo. A gente perdeu o último ônibus do dia e teve que ir andando para o barco (foram uns 40 minutos de caminhada).

White Water Walk lets you walk on a path to see the Niagara River ver close and, maybe, get splashed. Click to read more!

White Water Walk e a vista da Rainbow Bridge (ponte arco-íris), que liga o Canadá com os Estados Unidos

Hornblower Cruise (barco)

O melhor, não deixe de fazer. A gente queria fazer quando estivesse anoitecendo, ou de noite, mas decidimos pegar o tour das 7 da noite já que a gente estava lá na frente e estava todo mundo cansado.
Corremos para a frente do barco, que estava mais vazio, e acabamos pingando água, mesmo de capa de chuva. Delícia!
Foi meio nojento ver aquela espuma marrom na água perto do dock. Era tão densa que a gente discutiu se daria para pular em uma e não se molhar.
Esquecemos de toda a espuma assim que o barco chegou perto da cachoeira.
Que momento incrível, foi delicioso! O melhor momento do dia! Deve ser mais incrível ainda quando as cataratas estão iluminadas!

Hornblower, Niagara Falls cruise was our favorite activity: loved by all members of the family! Click to read more

Pegamos o pôr do sol no Hornblower e foi demais! As cachoeiras faziam arco-írises e o sol se pondo foi, realmente, a cereja do bolo.

Parquinho

Ficamos um bom tempo no parquinho porque a gente estava lá e cansados. A gente andou do White Water Walk para a cidade de Niagara Falls e tinha tempo sobrando. É um parquinho pequeno e legal (apesar do monte de cocô de cachorro espalhado pela grama) com uma parte de jatos de água bem divertidos. Se ficar cansado do monte de turistas perto do rio, vá para a cidade. Tudo tão calmo, fofo, e mil vezes mais barato.

Clifton Hill 

Minhas crianças descreveram como ‘A Universal Walk de Niagara Falls’. Parecia, mesmo, a rua que antecede os parques da Universal pelo mundo. A gente andou por lá depois do barco, para encontrar algo para comer. Apesar do cansaço, amamos. Tem tanta coisa para se fazer por lá, dá pra ficar louco. Museus de cera, casas mal assombradas, restaurantes, fliperamas, museu Guiness, e muito mais! A gente decidiu não fazer nada além de comer porque a gente não tinha tempo. A gente queria ver os fogos desesperadamente. Haha. E a gente também não tinha dinheiro sobrando pra nada (tudo tão caro!!!).

Eles têm o Clifton Hill Pass, que a gente não comprou, mas dá entrada à 6 atrações por um preço. Bom, se você usar, conta pra gente!

Clifton Hill, Niagara Falls, is so full of activities! Click to read more!

Essa  a vista do Clifton Hill da roda gigante. Era muito mais lindo de perto

Fogos de artifício

Foi rápido (durou uns 5~10 minutos), mas é sempre demais! Fica lindo nas cachoeiras, vale assistir. São fogos simples, nada super tecnológico e novo, mas amamos!

Fireworks are always fun, and the ones in Niagara Falls were a great closure to the great day trip from Toronto. Click to read more!

Dá uma olhada nesse céu vermelho! Coisa incrível!

Skywheel

Só porque Clifton Hill foi demais, a gente abriu uma exceção e deixou as crianças escolherem uma coisa para a gente fazer. Para o meu desespero, eles escolheram a roda gigante.
Vou dizer aqui que eu ODEIO altura e ainda mais, odeio ficar pendurada em coisas que se mexem devagar. Rodas gigantes e teleféricos são as duas coisas mais horripilantes para mim. Mas a vista lá de cima é bem bonita. Não dá pra tirar fotos, mas é lindo. A gente foi depois dos fogos, deu para ver a iluminação mudando de cor, até colocaram as bandeiras do Canadá e dos EUA.

Ela roda algumas vezes e não é muito devagar, então não foi a pior da minha vida. As crianças amaram, então acho que valeu a pena.
Não acho que seja tão legal durante o dia, mas perto do pôr do sol deve ser lindíssimo!

Sky Wheel is just a Ferris wheel, but with a view to the Niagara Falls. Interested? Click to read more!

A roda gigante. Sabe…

Ônibus WEGO

A gente só usou porque ganhou o passe com o Adventure Pass. É simples, a hora está marcada nos pontos e nos guias, é confortável e limpo. Nos ajudou a chegar no White Water Walk (quase) em tempo.
São 4 linhas, e cada uma tem horários diferentes. A linha verde, que vai para o White Water Walk e a cidade, pára antes. A gente perdeu o último ônibus por 20 minutos e isso custou 40 minutos do nosso dia. Não foi a melhor ideia, já que ainda tinha tanta coisa para se fazer. Vale a pena olhar os horários com antecedência.
No geral, é um serviço ótimo. A linha que vai para o Clifton Hill funciona até super tarde!

Aonde comer

Elements

A gente almoçou lá, já que era perto do Niagara’s Fury. Tem uma vista linda das cataratas, a comida é boa, mas nada excepcional. O atendimento é bom e refrigerante é refil grátis. vale a pena para descansar no ar condicionado, admirar a cachoeira e ficar tomando refri.

Lunch with a view: this time, to Niagara Falls. Click to read more!

Era isso que a gente via da nossa mesa no Elements

Applebee’s

Quando eu vi a placa do Applebee’s, eu sabia que a gente ia comer lá. A comida é boa, o atendimento é OK. Só a conta que demorou um tempão e quase que a gente perdeu os fogos. Por sorte, não começou na hora. Haha.

Sorvete

A gente tomou um sorvete na cidade. Não sabemos o nome do lugar, ou se o lugar tinha nome. As bolas são enormes e é muito mais barato do que perto do rio. Se você decidir andar pela cidade, vai encontrar, já que é o único lugar que vende só sorvetes.

Fudge Factory

A gente entrou nessa loja por causa do cheiro maravilhoso. Compramos algumas coisas para nos manter acordados na viagem para casa. Infelizmente, não experimentamos os fudges porque eram muito grandes, mas compramos uns doces fofos, como os macarons canadenses de xarope de bordo. Delícia!

Family selfie at Niagara Falls . Click to read more about the day!

Cansados, mas felizes, uma selfie em família com as capas de chuva lindas

Dicas

– Você vai passar a maior parte do dia no sol, então leve chapéu e protetor solar.
– Use sapatos confortáveis, e se prepare para andar muito!
– Você pode levar um picnic e comer ao ar livre. Só estava terrivelmente quente no dia que fomos, então um descanso no ar condicionado foi ótimo.
– Eles distribuem capas de chuvas em quase todas as atrações. A gente tinha levado as nossas, mas resolvemos aceitar porque as nossas não cobriam as pernas. Elas são descartáveis, então se for fazer várias coisas, guarde a primeira capa e reuse durante o dia. Muito melhor do que jogar uma capa fora a cada atração!
– Lembre de carregar sua garrafa de água
– Não interessa quão quente esteja, não deixe sua blusa no carro. A gente acabou comprando uma blusa para a Melissa – uma toda turista, que ela nem gosta muito, mas vai usar até estragar. Haha.
– Se você pretende comprar o passe, compre online. Assim, você não pega fila no dia e ainda é mais barato ou você recebe um bônus (dependendo do passe)
– Proteja as câmeras porque tem muita água envolvida.
– Você não precisa pagar por nada. Para ver as cataratas, basta chegar lá. A gente acha que valeu a pena ficar muito mais pobre lá, já que as crianças se divertiram muito.

Para terminar…

Foi um ótimo dia! A gente ficou por lá por umas 16 horas e amamos todos os momentos!
Valeu alugar o carro, dirigir, sentir dor nos pés, ficar com roupas fedidas, perder ônibus, pagar caro por tudo. Amamos!

As cataratas são lindas, mas tem muito mais na região para se ver e fazer. A gente se arrependeu de não ter ficado 2 dias por lá, mas eu também não ia querer ficar menos em Toronto, já que me apaixonei por lá também. Hhehe.

The Niagara Falls light up when the light is gone and it's one beautiful sight. Even tired, the kids were able to spot and marvel. Click to read more!

Essa foto foi tirada correndo para o carro, sem tripé, então paciência. MAs estava lin-do!

Você já esteve lá? Gostaria de visitar? Conta pra gente!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta